Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A caixa que já foi mágica

Um blog de opinião sobre a tv portuguesa

24
Jul11

TRIBO DAS FARSAS

Tiago Lourenço

A verdade em televisão é muito importante. Se não acreditarmos naquilo em que estamos a ver, então é melhor desistir. 

 

 Estas duas frases foram escritas no primeiro post do blog, sobre o programa da TVI, Perdidos na Tribo.

 

12 dias depois, a revista ANA desta semana lança um artigo que desmonta, uma por uma, várias situações do "doc-reality". A mesma notícia conta ainda que existiu um guião escrito desde início e revela também que algumas situações são extamente iguais ao original espanhol.

 

 

 

Quando o chefe da tribo Himba proibiu José Castelo Branco de utilizar maquilhagem e lhe confiscou o estojo, tudo não passou de uma das cenas do tal guião previamente escrito.

 

Ainda na tribo Himba, um dos nativos experimentou uma pasta dentífrica, como se fosse a primeira vez que o fazia. Na realidade, na versão original, o mesmo nativo já havia experimentado o dentífrico. Também a paixão de um dos nativos por Vera Ferreira aconteceu na versão original, o mesmo nativo também se “apaixonou” por uma das concorrentes.

 

Já na tribo Hamer, a surpresa de ver Kapinha, Cláudia Jacques, Io Apolonni e Fernando Mendes a beber sangue diretamente do corpo de um animal, não passou de uma ilusão de ótica. Os quatro concorrentes puseram, de facto, a boca no interior do animal, mas o ângulo em que foram filmados deixou a ideia de que tinham ingerido o sangue o que, na realidade, não aconteceu.

 

 

Quanto ao passeio que os membros das tribos Himba e Nakulamené fizeram até às cascatas e ao vulcão sagrado, a ideia que o programa passou foi a de que tais locais se localizavam perto dos acampamentos. Na verdade, tanto um como outro estavam a sensivalmente de 200 km dos locais onde dormiam e trataram-se de passeios organizados pela produção.

 

 

O que era apenas uma suspeita, passou a ser uma verdade. O que não deixa de ser curioso, é que esta notícia tenha apenas surgido quando falta uma gala, previamente gravada, para o final do programa a 31 de Julho.

 

 

 

Nota: O texto da revista ANA foi retirado do site www.atelevisão.com e, apesar de todo o texto estar como citação, alguma frases foram encurtadas e reescritas.

Facebook

Audiências - TOP 5

As audiências voltam a ser atualizadas em setembro.

Novidades

"Vale Tudo" regressa à SIC depois do verão

Mais sobre mim

foto do autor