Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A caixa que já foi mágica

Um blog de opinião sobre a tv portuguesa

25
Jan13

Visto e "ouvisto"

Tiago Lourenço
Image and video hosting by TinyPic

Nem privatizada, nem alienada. A RTP vai, afinal de contas, ser reestruturada. É uma boa notícia, não fosse a palavra reestruturação, neste momento, significar pouco mais que despedimentos ou rescisões de contratos.

 

Além do emagrecimento do número de funcionários, os canais e rádios do Estado vão ser modernizados. Para isso, o governo vai disponibilizar 42 milhões de euros. Os portugueses deixam ainda de pagar duas vezes a RTP. Em 2014 acaba-se a contribuição de milhões dada pelo Estado para compensar o serviço público prestado. Assim, a estação viverá apenas das receitas publicitárias e da taxa de audiovisual cobrada na fatura da EDP.

 

Quanto a mim, exeptuando os despedimentos, tudo isto seria de louvar, não houvessem os "mas" do costume. Uma das estações de televisão vai ser alienada assim que for oportuno. Ou seja, o governo reestrutura, moderniza e depois de ser já suficientemente apetecível a privados, vende.

 

Dos 42 milhões que o governo vai gastar com este processo, a grande fatia será para a redução do número de funcionários e sobrará algum dinheiro para a tal modernização. Em tempo de vacas magras e em que muitos portugueses lutam para ter uma vida decente, este governo gasta dinheiro a modernizar um canal público que já o é e, muito provavelmente, até mais que qualquer um dos outros canais privados.

 

Por fim, podem estranhar o título deste post. Quem viu Telejornal desta quinta-feira assistiu ao anúncio de todas estas medidas pelo ministro Miguel Relvas. No final da sua intervenção afirmou que a RTP não pode viver nem ser refém de audiências mas ser "visto e ouvisto pelos portugueses é também uma razão para justificar o investimento e aquilo que os portugueses pagam pelo serviço público (...)".

 

É nestas mãos que está o futuro da RTP. Espero o melhor mas acredito no pior. Se não ser tornar superior àquilo que já é, com todos os defeitos que tem, que, pelo menos, se mantenha como está.

Facebook

Audiências - TOP 5

As audiências voltam a ser atualizadas em setembro.

Novidades

"Vale Tudo" regressa à SIC depois do verão

Mais sobre mim

foto do autor