Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A caixa que já foi mágica

Um blog de opinião sobre a televisão portuguesa

Que Natal foi este?

 

Olá caros/caras leitores/leitoras. Espero que o vosso Natal tenham sido bom e que perdoem a minha "preguicita aguda" dos últimos tempos. Eu sei que tenho escrito pouco mas prometo voltar ao ativo.

 

A pergunta que se impõe hoje é:  Que Natal foi este nas televisões generalistas?

 

No dia 24, a RTP1 manteve a sua programação e presenteou-nos e bem, apesar de não ter visto, com o musical O Principezinho de Filipe Lá Féria. Ontem estragou tudo. Uma tarde inteira a transmitir um especial do The Voice Portugal que não foi mais do que uma manta de retalhos de todos os programas emitidos até agora. De noite redimiu-se e apresentou a míni-série O Pátio das Cantigas.

 

A SIC foi a que melhor manteve a tradição. Eu não me queixo mas talvez tenha exagerado no número de filmes de animação. Não, não vou criticar a transmissão do Sozinho em Casa 2. É o clássico dos clássicos desta época. O único erro que tenho a apontar foi a escolha dos dois filmes de Harry Potter para o horário nobre. Deviam ter colocado um filme em estreia ou, no mínimo, os filmes mais recentes desta saga.

 

A TVI foi a desilusão deste ano. Dois filmes em dois dias? E nem sequer eram estreias. Especiais da treta de A Quinta, especiais de A Única Mulher e mais uma maratona de 760´s na véspera de Natal. Esse programa, que colocou a carne toda no assador, ou seja, Cristina Ferreira, Manuel Luís Goucha e Fátima Lopes, ajudou o canal de Queluz a vencer o dia 24 com 25,4% de share, seguida da SIC com 22,1%, a RTP1 com 12,3% e o conjunto de canais por Cabo com 28% de share.

 

O dia 25 correu melhor à SIC que conseguiu alcançar os 25% de share, a TVI ficou-se pelos 19,1%, a RTP1 não foi além dos 14,5% e o conjunto de canais por Cabo levou, mais uma vez, a melhor com 27% de cota de mercado.

 

 

Faça "like" na página do blog no Facebook e não perca os próximos artigos!