Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A caixa que já foi mágica

Blog de opinião sobre a televisão portuguesa

TVI - O melhor e o pior de 2017

facebooknovo.jpg

 

   Por último, e não menos importante, é a hora do balanço de 2017 para a TVI. Foi um bom ano para o canal.

 

   Apostou em vários formatos que lideraram de forma inequívoca as audiências. Alguns, conseguiram mesmo recuperar horários que o canal havia perdido para a concorrência. Ainda assim, não se livrou de erros.

 

   Conheça então a escolhas para o canal de Queluz de Baixo:

 

   O Pior:

29194927_BINARY_GI28092017NUNOPINTOFERNANDES000000

 

   Foi, sem dúvida nenhuma, o maior erro da TVI em 2017. "Biggest Deal" foi um fiasco nas audiências e acabou mesmo por ser cancelado. 

 

   Anunciado como um original, o programa juntava famosos numa casa onde trabalhavam, em vários negócios, para ajudar Instituições. Teresa Guilherme voltou aos reality-shows, mesmo depois de ter afirmado que não voltaria a fazer mais nenhum. Provavelmente estará arrependida. Nada funcionou no formato e o público nem sequer reagiu.

 

   Terminou sem glória e como um dos maiores fracassos da história recente da TVI,

 

 

   O Melhor:

 

apanha-4.jpg

 

   Era a mais difícil missão. Cristina Ferreira chegou, viu e venceu com o "Apanha Se Puderes". Fernando Mendes e a RTP 1 tinham a liderança do horários das 19H00, há vários anos, com "O Preço Certo". O concurso da TVI veio mudar tudo e, desde que estreou, ganhou sempre.

 

   É divertido, emotivo e a que se acrescenta a vertente de cultura geral. É completo e a melhor proposta do horário das 19H00. Cristina Ferreira já não precisa de provar mais nada. Está em alta e merece pelo profissionalismo.

 

   Foi o maior sucesso de 2017, a par de "Pesadelo na Cozinha", só que a missão deste era bem mais complicada. 

 

 

   Artigos relacionados:

   SIC - O melhor e o pior de 2017;

   RTP 1 - O melhor e o pior de 2017.

facebooknovo.jpg