Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A caixa que já foi mágica

Blog de opinião sobre a televisão portuguesa

"Casados à Primeira Vista" ou "Pesadelo na Cozinha"? Um deles liderou as audiências

Fotografia.: Miguel Manso

facebooknovo.jpg

 

"Casados à Primeira Vista" liderou as audiências, este domingo (22/10), em parte da sua exibição. Ainda assim, não chegou para vencer o "Pesadelo na Cozinha", que conseguiu o melhor resultado da temporada.

 

 

A aposta era forte e, apesar do bom resultado, o programa focado em casamentos entre desconhecidos acabou por não se conseguir sobrepor ao formato da TVI.

 

O reality-show do canal de Carnaxide, apresentado por Diana Chaves, arrecadou uma média de 1 milhão e 258 mil espectadores. No que toca a audiências, significa que o "Casados à Primeira Vista" registou 13% de rating e uma quota de mercado de 24,1%.

 

Já o "Pesadelo na Cozinha" não só conseguiu levar a melhor sobre a concorrência, como ainda garantiu o melhor resultado da segunda temporada. Ao todo, Ljubomir captou a atenção de uma média de 1 milhão e 448 mil espectadores, ou seja, 15% de rating e 27,7% de quota de mercado.

 

Longe dos formatos das privadas esteve o "The Voice Portugal". O talent-show não foi além dos cerca de 927 mil espectadores, que se traduzem em 9,6% de audiência média e 19,1% de share.

 

Contudo, segundo informação veículada pela SIC, o seu novo programa liderou nos chamados targets comerciais, aqueles que mais interessam aos anunciantes. Nas classes A, B e C, dos 25 aos 54 anos, "Casados À Primeira Vista" registou uma média de 15% de rating, mais 5% que o "Pesadelo na Cozinha". Neste segmento, até o "The Voice Portugal" se sobrepôs ao programa da TVI ao registar 11% de rating.

 

Apesar de não ter conseguido a liderança, a estação de Carnaxide conseguiu um dos melhores resultados no horário nobre de domingo desde o polémico "SuperNanny".

 

Alguns dados apresentados são provisórios, da responsabilidade da CAEM/GfK e podem sofrer alterações. Incluem Vosdal.

facebooknovo.jpg