Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A caixa que já foi mágica

Blog de opinião sobre a televisão portuguesa

"Casados à Primeira Vista" é ou não um sucesso?

Fotografia.: sic.pt

facebooknovo.jpg

 

A SIC anunciou o reality-show como uma "experiência social" e "Casados à Primeira Vista", antes de estrear, estava envolto numa real curiosidade. Essa curiosidade foi aguçada com a transmissão das versões internacionais na SIC Mulher. A televisão portuguesa, goste-se ou não do estilo, estava a apresentar algo novo ao público.

 

O sucesso dos "casamentos" pode ser avaliado de várias formas, já que as suas audiências são exatamente o contrário do que a TVI conseguiu outrora, com o mesmo modelo de exibição. O formato produzido pela Shine Iberia é emitido durante a semana, às 19H15, e também no horário nobre de domingo.

 

Se avaliarmos as transmissões ao fim de semana, não se pode afirmar que o programa seja um sucesso. Apesar de ter mantido o segundo lugar no horário, deixado pelo "Terra Nossa", "Casados à Primeira Vista" nunca foi capaz de se sobrepor ao líder "Pesadelo na Cozinha" que, incrivelmente, subiu os resultados desde que a TVI decidiu emiti-lo ligeiramente mais cedo para combater a aposta da SIC. 

 

Por outro lado, se avaliarmos as audiências durante a semana, o sucesso é inegável. Durante anos, nenhuma aposta do canal de Carnaxide conseguiu sequer chegar ao segundo lugar no horário das 19H00. "Linha Aberta" só deu o ar da sua graça já depois de ter sido anunciado o seu final e "Novo Mundo", "Gosto Disto" e "A Família Mata" foram uma autêntica desgraça. Agora, a liderança é uma constante e, quando não o é, também não fica muito longe do novamente líder "O Preço Certo". 

Fotografia.: sic.pt

 

Com "Casados à Primeira Vista", a SIC não só saiu do terceiro lugar das audiências num importantíssimo e competitivo horário da televisão portuguesa, como passou a liderar em vários dias. Já a TVI subestimou o público ao manter o "Apanha Se Puderes" depois da saída da Cristina Ferreira. O resultado foi passar a ficar atrás da concorrência dos dois canais generalistas.

 

Em suma, é impossível não considerar o formato como uma aposta ganha e como um sucesso. Além das boas audiências que o programa conquista, as conversas de rua sobre o tema e a repercussão nas redes sociais são os ingredientes para tal conclusão.

 

Artigos relacionados:

"Casamentos" atiram Cristina Ferreira para terceiro lugar nas audiências

"Casados à Primeira Vista" ou "Pesadelo na Cozinha"? Um deles liderou as audiências

Em noite de casamentos, Ljubomir bate recorde de audiências

A verdadeira prova de fogo

facebooknovo.jpg

 

Pior a emenda

facebook.jpg

 

65743548_SC-TV-Estreia-da-novela-Novo-mundo-nova-t

 

   A SIC estreou a novela brasileira "Novo Mundo" em abril. No horário das 19H00, a estação de Carnaxide já era apenas a terceira estação preferida nas audiências.

 

   Com a chegada da história de época ficou ainda pior. Protagonizada por Isabelle Drummond e Chay Suede, "Novo Mundo" atirou a SIC para resultados miseráveis, abaixo até da audiência do programa das manhãs.

 

gosto disto.jpg

 

 

   A solução encontrada foi colocar a produção da Globo para lá das 00H00 e fazer regressar o "Gosto Disto!", apresentado por Andreia Rodrigues e César Mourão. A repetição foi um desastre ainda maior. Chegou a perder para o último episódio de "A Escrava Isaura", da CMTV, e até mesmo a novela que antes ocupava o horário chegou a ter mais público.

 

 

a familia mata.png

 

 

   A aposta ainda mais errada deu lugar, a semana passada, à reposição de "A Família Mata", que conta com Rita Blanco e José Pedro Gomes no elenco. Pouco ou nada mudou. A SIC continua em terceiro num horário importantíssimo. Cristina Ferreira e a TVI estão a léguas de distância e "O Preço Certo", da RTP1, também está longe.

 

   Ou na SIC andam a testar produtos para saber no que apostar em setembro ou então estão sem saber o que fazer. Não é com repetições que se sobem os resultados às 19H00. O "Jornal da Noite", por exemplo, já se recente nas audiências com estes péssimos antecedentes. A estação de Carnaxide tem de se mexer bem e depressa ou corre o risco de precisar de anos para recuperar a dignidade neste horário.

 

facebook.jpg

 

Desilusão

 

mw-1024.jpg

 

facebook.jpg

 

 

   Estive uns dias fora do país (peneirento) e, por isso, não tive tempo suficiente para escrever. Antes de ir, vi que a SIC preparava o regresso do "Gosto Disto!" e um novo programa chamado "Tudo Incluído". Estou completamente desiludido, talvez por culpa minha. Culpa minha porque achei que a SIC se tinha mexido e ia trazer novidades.

 

   Em primeiro lugar, pensei que o "Gosto Disto!" ia ter novos episódios, um novo cenário virtual, novos vídeos e que marcaria o regresso de César Mourão à televisão. Mesmo assim era pouco para uns dos horários mais competitivos da televisão portuguesa. Às 19h00, o canal de Carnaxide obtinha péssimos resultados com a novela brasileira "Novo Mundo".

 

   Em segundo lugar, pensei que o "Tudo Incluído" fosse a grande aposta para os domingos a partir de setembro. Um programa, sempre com o mesmo cenário, mas que a cada semana revivesse os icónicos programas da estação a propósito da comemoração dos seus 25 anos. 

 

   E o que é que a SIC preparou?

 

   Para as 19H00 retirou uma novela inédita, com maus resultados, e colocou no ar a repetição do "Gosto Disto!". Resultado? Não só não subiu nas audiências como nesta quarta-feira (07/06), por exemplo, teve a CMTV e a TV Globo, dois canais pagos, bem perto. Inpensável!

 

   Já o "Tudo Incluído", que estreia já este sábado (10/06), não é mais do que uma junção de vídeos dos grandes êxitos da SIC apresentados por Andreia Rodrigues.

 

   É tudo muito "poucochinho" para um canal que pretende ser líder de audiências.

 

   Repito. A SIC não é culpada pela minha desilusão. Eu é que ainda penso que o canal é aquele a que me habituei quando ainda era um criança.

 

facebook.jpg

 

SIC altera programação a 5 de junho

facebook.jpg

 

674370-970x600-1.jpeg

 

Os péssimos resultados de "Novo Mundo", às 19H00, terão sido a causa das mudanças na programação da SIC já a partir de segunda-feira.

 

 

   Com quatro portugueses no elenco, a novela brasileira "Novo Mundo", estreou em maio no horário de acesso ao prime-time. A trama não se conseguiu impor e colocou o canal de Carnaxide numa má posição. A audiência média dos cerca de 23 episódios exibidos não foi além dos 3,1% de rating e 10.1% de share. Bem longe do líder "Apanha Se Puderes", da TVI, e do "Preço Certo", da RTP1, vice-líder às 19H00.

 

   A SIC foi obrigada a mexer-se e o "Gosto Disto!" regressa já no dia 5 de junho. Apresentado por Andreia Rodrigues e César Mourão, o formato conta com a exibição de vídeos caseiros e alguns momentos de humor, protagonizados pelo ator e apresentador. O programa vai ocupar o horário deixado vago por "Novo Mundo" que é atirada para a madrugada.

 

   Ainda antes deste regresso, a reposição de "Laços de Sangue" é alargada em meia hora. Por sua vez, o "Juntos À Tarde" perde 30 minutos de exibição.

 

   Neste dia estreia ainda outra novela da TV Globo, às 23H30. "A Força Do Querer" é uma história de Glória Perez, autora de sucessos como "O Clone", "Explode Coração" e "Caminho das Índias".

 

   Com esta medida, a SIC passa a contar com mais de quatro horas de novelas no horário noturno, pelo menos até ao final de "A Lei Do Amor" que já entrou nos últimos episódios.

 

Lê também:

postsimples_fichatecnica_V1.png

Ficha Técnica com Mariana Marques: "Não pretendo regressar à televisão tão cedo"

facebook.jpg

 

 

 

 

Fora do retângulo - Portugueses de viagem

foradoretangulo.jpg

   

   Diogo Morgado vai regressar a Portugal, na TVI, depois do seu sucesso nos Estados Unidos da América. Ao contrário, há outros atores portugueses que partem para novos projetos fora do país.

 

   É o caso de Pêpê Rapazote. O ator, que podemos ver atualmente na novela "Rainha das Flores", da SIC, está de malas aviadas para o continente americano. O português vai fazer parte da 3ª. temporada da famosa série "Narcos", inspirada na vida de Pablo Escobar.

 

 

 

 

   

   O ator de 46 anos vai vestir a pele de Chepe, um barão da droga em Cali, na Colômbia. As gravações tiveram início no passado mês de outubro.

 

   Também Maria João Bastos está de partida. A atriz, cujo último trabalho foi em "Coração D´Ouro", da SIC, está de regresso ao Brasil.

 

 

 

 

 

   

   A TV Globo voltou a chamar a portuguesa para entrar numa das suas produções, depois das participações em "O Clone" e "Boggie Oggie". Maria João vai fazer, pela primeira vez, par romântico com Ricardo Pereira na novela "Novo Mundo", ambientada nos anos 1800. A estreia está marcada para o próximo ano.